Fundado em 17 de julho de 1952 - Orgulho do Futebol de Santa Rosa/RS - Hexa Campeão de futebol de Santa Rosa: 1954/1955/1956/1957/1958 e 1959 - Campeão Citadino de 1963/1965/1968 e 1969 - Campeão Estadual de Amadores do Rio Grande do Sul/Série Amarela em 1959 e Vice-Campeão Estadual de Amadores em 1969.

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Ala feminina

Ala Jovem do E. C. Aliança 



Desfile de 7 setembro de 1960, local Praça da Bandeira.
Anair Grisotti, (?), Marlene Donini, (?), Elbia da Rocha, (?), (?), Romi Schons, Dalila Zenni, Lais Pias, Sandra Reginatto, (?), Rute Maria Meneghini e Loni Meinerz.
Agachados: Gerson Joner da Silveira, (?) Ervino Berg (Pompéia), Alceu Sichinel e Santo Lino Pavéglio.
Fotografias acervo de Raul Meneghini compartido por Genésio Grisotti e João Jayme Araujo.



Ala Jovem do E. C. Aliança 
Desfile de 7 setembro de 1960, local Praça da Bandeira.
(?), Ervino Berg (Pompéia), Lais Pias, Santo Lino Paveglio, Sandra Reginatto, Gerson Joner da Silveira, Dalila Zenni, Alceu Sichinel, Romi Schons, (?) e Anair Grisotti. 




Ala Jovem do E. C. Aliança 
Desfile de 7 setembro de 1960, local Praça da Bandeira.

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Por Onde Anda?

DARCI ZOEHLER (NIQUE)


Darci Zoehler,  ficou conhecido no futebol como Nique, nasceu em 20.09.1935 em Santo Cristo, filho de Vicente Zoehler e Maria Zoehler. 
Da infância e na juventude, guarda belas lembranças de Santa Rosa como os banhos no Poço da Árvore, as pescarias na Cascata do Rio Santo Cristo, as Caçada de pombas nas terras do Seu Ruzzarim e do Colégio Santa Rosa de Lima onde estudou.
Como atleta, iniciou sua carreira esportiva no time de aspirantes do Paladino. Após desentendimento com a direção do Paladino, ajudamos a fundar o Juventus. Regressamos, posteriormente ao Paladino e encerramos no Aliança. Mesmo ajudando na fundação do Juventus nunca foi dirigente. 
Na vida profissional, sou concursado no Banco do Brasil S.A., onde me aposentei com pouco mais de 30 anos de serviço, exercendo o cargo de Inspetor. Após passamos a advogar para o próprio Banco.
Minha atual ligação no futebol é somente como torcedor do Internacional.
Casado com Laci Zanella Zoehler, há 55 anos. Do casamento nasceram três filhas: Beatriz (Tise), Ana Cristina e Sonia Regina (Dinda) . Seis netos e dois bisnetos. Aposentado, como servidor do Banco do Brasil, reside em Porto Alegre.
Um fato pitoresco na vida de jogador: Nique tinha um irmão, o Décio, que também jogava. Quando Francisco José Berta os contratou para o Aliança, acordaram que, a título de luvas, receberiam uma geladeira, cada um. 
“Passaram a ser chamados, pejorativamente, por ‘geladeira,” pelos que não simpatizavam com esse clube.
Foi o início da grande arrancada do clube, cujo cinquentenário do titulo estadual, comemorou-se, no ENCONTRO ANUAL DOS SANTAROSENSES em Porto Alegre, comandado por CARLOS BERTA e seus “companheiros de mesa”, em outubro de 2009. Um outro fato que liga Nique ao futebol: como se sabe, o Juventus tem estreita ligação com o Colégio Santa Rosa de Lima. Quando se implementou o curso ginasial era grande, a quantidade de alunos que conseguiu aprender algo mais, sem sair da cidade. Muitos, metidos a craque. E para variar dois times se formaram. Os melhores envergavam uma jaqueta preta e branca. Os do segundo time, alviverde. Dois irmãos, Décio e Nique, um do primeiro e outro do segundo time – depois de uma flauta amiga e de choro de um - engalfinharam-se a socos, no meio de uma partida, na Vila Agrícola. Era um campo afastado da cidade, mas, mesmo assim se ia a pé. A Agrícola que fora uma Colônia Penal, abrigou astros da Quinta  Coluna, como se chamavam os descendentes de alemães e italianos durante a II Guerra Mundial. Por pouco, o vetusto presídio não teve como hospedes os irmãos brigões.
Os dois irmãos por muito tempo jogaram em times rivais, Paladino e Juventus. Atuaram, depois, no Paladino, a pedido do pai deles, Vicente Zoehler, que era proprietário do jornal A SERRA.

Este texto encontra-se no link: http://juventussantarosa.blogspot.com.br/2010/11/por-onde-anda.html, com a colaboração de João Jayme Araujo, editado em 2010.

domingo, 25 de outubro de 2015

Memória

ELVINO PESSATO

Raul Meneguini é um grande desportista e colaborador deste blog. Grande zagueiro, nos bons tempos do EC Aliança, sempre que o tempo lhe permite, procura resgatar a memória do time do coração. Fez um busca, persistência, até encontrar Elvino Pessato. Era o que faltava para completar, com uma foto, a Galeria dos Presidentes do Aliança. Com o sucesso de sua busca, em 24/11/2015, manteve contato telefônico com o presidente do E. C. Aliança, da gestão de 1961, Sr. Elvino Pessato, que atualmente reside em São Gabriel do Oeste (cidade distante a aproximadamente quilômetros da capital Campo Grande (MS). Está hoje, com 93 anos de idade, e com um longo papo, ambos saudosistas, relembraram dos grandes momentos do EC Aliança.  De 1960 até 1965, segundo Meneguini, Elvino Pessato,  era proprietário de um comercio, denominado de Casa Glória(roupas etc.) e sua sede era no prédio, esquina da Avenida  Dr. João Dahne com Praça da Independência (defronte a Igreja Matriz Católica Sagrado Coração de Jesus). A flâmula do Aliança, descoberta por Atanagildo G. Rorato, junto a Airton Friedrich, está inserida no blog do Aliança e teve como patrocinador na época da empresa de Elvino Pessato. Destaca ainda, Meneguini, que conversou com os filhos Geni e Armando. Estes,  enviaram fotos  do time do Santos F. C. (futebol de salão), o goleiro que aparece na foto abaixo,  é Valdi Lopes da Silva(falecido em 01.06.2014), esposo da filha de Elvino, Sra. Geni Pessato, além de fotos do seu pai Elvino, para ser postado no blog do Aliança, entre elas, uma especial na Galeria dos Presidentes do clube. 

Pessato operando seu rádio amador, uma de suas paixões.

Flâmula do Aliança patrocinada pelo comércio de Elvino Pessato.

 Local onde Pessato era proprietário do seu comércio - a Casa Glória(1960/1965). 

sábado, 3 de outubro de 2015

Por Onde Anda?

NERI CAPPELLARI

Nome, local de nascimento, filiação: Tranquilo Neri Cappellari nasceu em Santa Rosa, RS. Filho de Tranquilo Luiz Cappellari e Izolina Marques Cappellari

Apelido (se for o caso): não.


Foto ao lado: Neri, atualmente,  em sua residência em Porto Alegre, com Otto, seu cachorro de estimação.


Casamento. Com quem, quantos filhos, netos e etc:  Casado com Marilê Emirtes Cappellari, com quem tem 3 filhos (Paulo Henrique, Lize Helena e Ana Paula) e dois netos (Eduarda e Davi)


Grau de escolaridade: Ensino Médio

Como foi a infância (descrever, onde, quando): O que lembra com saudade. Nasceu e cresceu em Santa Rosa, em frente a Igreja Matriz, nos anos 40,  Lembra com saudades das incríveis aventuras na descida da rua com carrinho de rolimã feito por ele e seus irmãos.

Vida esportiva (onde iniciou,  em que clubes jogou – o que recorda desta fase:  Começou no ABC (Clube dos Bancários), Paladino, Juventus, Aliança e Big Boys. Recorda dos campeonatos que jogou na Argentina com o ABC, dos jogos em Três de Maio, Tucunduva e Horizontina. Foi um tempo muito divertido e de muitas histórias.

1958 - Estádio Municipal Carlos Denardin, Paladino F. C. Em pé, da esquerda para direita: Carlinhos Hoffmann, Juarez dos Santos, (?), Julio Andrade, Lotario Dreher e Marcinarei Cassol. Agachados: Charles Joner, Zeca, Evilásio, Neri Cappelari e Kalil.(Marcinarei Cassol também atuou no Botafogo de Três de Maio e irmão de Marcelino, o eterno presidente do Botafogo.)

Clube(s) pelo qual torce): GRÊMIO.

Atividade atual (ou enquanto esteve trabalhando): Bancário Aposentado

Mantém atividade relacionada com o esporte? Participa dos treinos do neto Davi no Futsal do Grêmio Náutico Gaúcho, na categoria mamadeira três vezes por semana e vai aos campeonatos torcer pelo neto.

Já foi treinador, dirigente ou algo similar? Não


O  que faz atualmente? Cuida do Neto, ajuda os filhos, cuida do jardim de casa e passeia com o Otto, seu cachorro de estimação.

1960 - Quadra da Escola Evangélica da Paz  - Futsal - Em pé: Fehlauer, Joacir Magalhães e Ari Weber. Agachados: Neri Cappelari, Pedro Pereira Acosta e Thomas Motta. 


Ficha de inscrição na Federação Gaúcha de Futebol(antiga Federação Rio Grandense de Futebol)








ABC - ATLÉTICO BANCÁRIOS CLUBE Na foto acima aparecem, em pé: Luiz Cappellari (treinador), Numeraldo, João Manoel, Wilmar Birmann, Rubem Maicá, Reinery, Sfoggia (Antonio Carlos Sfogia Nunes) e Jaques (Presidente). Agachados: Fernando, Charles, Mauro, Neri  Cappellari e Oldemar (Parafuso).






Local: Praça da Independência, ano 1961, aparecem na foto: Áureo Machado(Torcedor), Neri Cappellari, Luiz Fortes(Gordo), Dirceu Torres(Torcedor), Pedro Dias(Mulita), Antenor Grisotti(Diretor de Futebol) e sentados Walter Wienandts e Raul Meneguini.



Matéria publicada no Jornal A SERRA em 02/12/1964, Coluna Panorama Esportivo do jornalista Erni Friderichs, que relata o embate entre E.C Aliança e Atlântico de Erechim.  



Foto tirada em 1961, na Séde o G. E. Sepé Tiaraju ( Rua Santo Angelo esquina com Rua Dr. Francisco Timm), onde aparecem: Sentados: Neri Cappellari, Edetar (Garçon do Capri, lembras?), Juarez Machado,  Ayrton da Silva Capaverde, Raul, Zelindo. Em pé: Carlinhos (Centro-médio do Paladino F.C.) e Valdir Lima (Lateral esquerdo do Aliança.

Equipe do E. C. Aliança que disputou o campeonato em 1962- Em pe´: Raul Meneguini, Lauro Frainer, Pedro Dias (Mulita) João Manoel Lopes (Jambalaia), Valdir Lima, João Carlos Duarte, Valter Pereira Oliveira (Taquariano), e Edmundo  Gund. Agachados: Luiz Fortes Rodrigues (Gordo), Eloi Pereira (Taquariano), Fredolino Schulz (Penicilina), Neri Cappellari e Valter Wienandts.




OBSERVAÇÃO: CLIQUE NAS FOTOS PARA AMPLIÁ-LAS.

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Por Ande Anda?

LÍDIO GRINGS


Nome, local de nascimento, filiação: LIDIO GRINGS, nascido em Santa Rosa, RS, em 14 de junho de 1935, filho de João Grings e Olinda Grings.
Apelido (se for o caso) – não tive apelido. 
Casamento. Com quem, quantos filhos, netos e etc. Casado, com Maria José Lemos Grings, temos 03 filhos (Katia, Ricardo e Karin); 03 netos (Marcela, Mariana e Miguel) e 01 bisneta (Julia).  
Grau de escolaridade: Segundo Grau. 
Como foi a infância (descrever, onde, quando). O que lembra com saudade: Lembro do local onde morei, por 20 anos, ou seja, até o ano de 1955, no endereço da Rua Caxias, esquina com a Avenida Dr. João Dahne; lembro que estudei no Colégio Santa Rosa de Lima e Instituto Machado de Assis, lembranças do professor Fioravante Pedrazzani; das pescarias nos Rios Pessegueiro e Pessegueirinho; gostava de caçadas, lembro do companheiro de caçadas e pescarias que era o meu estimado amigo Agamenon Kruel;   aos 20 anos de idade, por motivos profissionais, deixei a minha cidade natal Santa Rosa, RS, indo residir na cidade de Porto Alegre, RS; lembro ainda, com saudades, dos bailes nas sociedades Cultural e Concórdia, e, como assíduo frequentador do Cinena Odeon.
Vida esportiva (onde iniciou em que clubes atuou – o que recorda desta fase: Iniciei jogando nos campos da várzea e até hoje tenho boas lembranças do denominado Campo da Tuna, que era localizado nas proximidades do Rio Pessegueirinho; também joguei no campo do Colégio Santa Rosa de Lima (campo de terra sem gramado); posteriormente joguei no E. C. Aliança, clube filiado à Federação Gaúcha de Futebol, de 1952 até o ano de 1954, ou seja desde a sua fundação;  atuava jogando na posição de lateral direito; lembro que integrei a equipe do E. C. Aliança quando o Clube Tricolor sagrou-se campeão citadino no ano de 1954, fato que desbancou a hegemonia do já então considerado o seu arqui-rival o Paladino F. C.; disputaram àquele certame futebolístico, além do E. C. Aliança, mais o Paladino F. C. e o Juventus A. C., e, os jogos eram realizados no Estádio Municipal do Pessegueiro, assim denominado porque localizado em área próxima ao rio Pessegueiro, hoje próximo a saída para a cidade de Giruá (vide fotos abaixo); atuei também no time de futebol denominado G. E. Mayer em Santa Rosa e Porto Alegre, RS; guardo boas lembranças do Sr. Bonifácio Lopes Camões que foi o principal idealizador na formalização dos atos de fundação do E. C. Aliança de Santa Rosa, RS, tendo, inclusive, o Sr. Bonifácio, exercido a sua presidência nos anos de 1952 até 1954; lembro também que o Paladino F. C. e o Juventus A. C. mantinham, em seus elencos, atletas de muito bons níveis técnicos, destacando, como seu ídolo, o meia-armador Nolly Joner e seu irmão Charles, no Juventus A.C. lembro dos irmãos Jaime (Centro-avante) e Paulo Araújo (Goleiro).

 
Clube(s) pelo qual torce: Grêmio de Foot Ball Porto Alegrense e Londrina F. C.
Atividade atual (ou enquanto esteve trabalhando): No ano de 1955 transferi residência para a cidade de Porto Alegre, RS, onde passei a trabalhar nas empresas do Grupo Mayer, tendo exercido a função de Auxiliar de Escritório até assumir a sua Contabilidade; exercendo ainda, no mesmo Grupo Mayer, as funções de Gerente Administrativo, passando, em razão do exercício das atividades profissionais, a residir nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e, em Arapongas, no Paraná, onde, paralelamente, colaborei com o clube de futebol profissional denominado Arapongas F. C.




Mantém atividade relacionada com o esporte? Mantenho somente atividades em Academias.
Já foi treinador, dirigente ou algo similar?  Exerci funções administrativas no clube de futebol profissional denominado Arapongas F. C., da cidade de Arapongas, PR.



O que faz atualmente?  Aposentado, mas ainda prestando serviços (gratuitos) em atividades assistenciais - integrando o grupo denominado Vicentino, ligado a Igreja Católica de Londrina, PR; desde o ano de 1973 fixei residência na cidade de Londrina, no Estado do Paraná; anualmente visito Santa Rosa, minha  cidade natal quando, na companhia de meu irmão Nildo Grings, a percorremos e orgulhosamente constatamos o seu progresso que gira com grande rapidez. 

Fotos de 1954:







 Colaboração de Raul Meneguini